Exemplo de Documentação para Gestão de Projetos

Olá, pessoal!

No post de hoje irei compartilhar um trabalho desenvolvido pelo meu grupo na pós, este é um exemplo de documentação para gestão de um projeto de desenvolvimento de sistemas.

Caso tenham duvidas ou sugestões por favor comentem.

Obrigado, um grande abraço!

 

 

Nova Era: “Evething as a Service”

Olá,
Para os interessados em tendências segue um post interessante sobre Nova Era: “Evething as a Service”, escrito por Carlos Mesquita Aguiar.

Carlos Mesquita Aguiar

Certa vez escutando a Band News FM, o colunista Wharrysson Lacerda destacou 4 termos: Cloud Computer, BigData, Mobilidade e Redes Socias. Quando estudei com mais afinco essas novas tendências da tecnologia, notei-me que estamos entrando numa nova Era: “Evething as a Service” ou “Tudo como serviço”.

O conceito “EveryThing as a Service” ou “Eaas” consiste em tornar os serviços mais acessíveis, facilitando a integração entre os sistemas e barateando ainda mais os meios de comunicação dentro da empresa.

O grande desafio é a governança e gerenciamento desse novo ambiente. É necessário repensar a arquitetura para adaptar a essas tendências, bem como na capacitação dos profissionais de tecnologias. Por isso, é importante conscientizarmos do papel que exercemos nesse tempo de mudanças, sejamos arquitetos de sistemas ou desenvolvedores.

Seja Bem-vindo a era do “Everything as a Service”. Em outra oportunidade detalho o Cloud Computer, BigData, Mobility e Social Bussiness.

Fonte: CIO…

Ver o post original 1 mais palavra

Conhecendo HSQLDB banco de dados em memória

Olá, no dia de hoje irei mostrar a simplicidade da instalação do HSQLDL. Antes disto irei falar um pouco sobre ele. HSQLDB ou Hyper Structured Query Language DataBase é um SGBD de código aberto escrito em Java. É uma solução simples comparado ao Oracle e SQL Server, possui poucos recursos, porém um bom desempenho. É mais indicado para aplicações desktops. Dá suporte a schemas, seleções, joins, functions, sequences,  triggers e views. Pode ser classificado também como banco de dados em arquivo texto e em memória. Pode ser utilizado em projetos embarcados pois salva as informações dentro do .jar do projeto, em memória ou no servidor. As informações Uma das vantagens é o pouco espaço de disco necessário. Possui um client SQL simples para acessar o banco. Link de acesso para download do HSQLDB.a1

Acessando o Client e Server do HSQLDB com o hsqldb.jar com dublo click.01

a2

 

Siga as configurações abaixo para configurar o banco de dados:

Criando base de dados:

Crie uma basta chamada db no diretório de sua preferência. Ex: C:\Users\fulano\db.c2

Configure a conexao:

Setting Name: MyServerDB, Type: HSQL Database Engine Server, Driver: org.hsqldb.jdbcDriver, URL: jdbc:hsqldb:hsql:file:C:\Users\fulano\db\restaurantes, User:sa, Password: sa .

c3

Clique em OK.c4

c5

Base de dados criada com sucesso.

Teste a base de dados com os comandos abaixo:c6 c8

c9

 

Está é uma configuração básica para utilizar o HSQLDB, espero que tenham gostado. Deixem um comentário com dúvidas ou sugestões.

Um grande abraço!

 

Montando o CUBO MÁGICO em CAMADAS passo a passo

cubo2

Pessoal, no post de hoje irei compartilhar um dos algoritmos para resolver o CUBO MÁGICO. Vi alguns tutoriais, vídeos e posts sobre o assunto.

Confesso que no começo pareceu impossível, nunca imaginei que fosse conseguir montar este cubo até porque não conhecia ninguém que já o tivesse resolvido.

Tenho no trabalho alguns colegas bem bacanas que conseguem resolver o cubo em pouco mais de 1 minuto.

Isto me deixou intrigado e resolvi tentar. Estou bem longe deste tempo ‘POR ENQUANTO’.

Resolvi escrever o passo a passo para resolver o cubo, baseado no que estudei e funcionou.   

Resumo para melhor entendimento do algoritmo.

20151017_165248

cubo4

Passo a passo

  1. Montar a CRUZ da face BRANCA
    1. Face BRANCA para cima;
    2. Buscar o CENTRO BRANCO.
    3. Formar uma cruz branca da seguinte forma:
      1. Peça BRANCA-AZUL alinhada com o CENTRO AZUL;
      2. Peça BRANCA-LARANJA alinhada com o CENTRO LARANJA;
      3. Peça BRANCA-VERMELHA alinhada com o CENTRO VERMELHO;
      4. Peça BRANCA-VERDE alinhada com o CENTRO VERDE;
    4. Aplicar a fórmula ( F2 ):
      1. Procurar na face oposta ao BRANCO uma peça com COR BRANCA;
        1. Alinhar a peça do meio  da 1ª CAMADA com o seu CENTRO;
        2. Aplicar a formula passo ’D’;
      2. Procurar na 1ª CAMADA uma peça com COR BRANCA;
        1. Aplicar a formula passo ’D’;
  2. Montar os cantos da face BRANCA e a 1ª CAMADA:
    1. Face BRANCA para cima;
    2. Procurar uma peça do CANTO BRANCA na face AMARELA ou 3ª CAMADA;
    3. Posicionar a peça em baixo (posição oposta(NA face AMARELA)) a posição que ela tem que ficar;
    4. Aplicar a fórmula ( R’ D’ R D ) até 5 vezes;
  3. Montar a 2ª CAMADA:
    1. Face AMARELA para cima;
    2. Procurar na 3ª CAMADA uma peça do MEIO que não tenha a cor AMARELA;
    3. Verificar a posição na 2ª CAMADA onde esta peça se encaixa;
    4. Alinhar a peça com o CENTRO da COR de sua face;
    5. Verificar qual lado da COR do CENTRO esta peça se encaixa;
    6. ESQUERDO:
      1. Aplicar a fórmula ( U’ L’ U’ L U F U F’ );
    7. DIREITO:
      1. Aplicar a fórmula ( U R U R’ U’ F’ U’ F );
  4. Montar a CRUZ da face AMARELA:
    1. Face AMARELA para cima;
    2. Regra_A: Deixar uma peça AMARELA do MEIO à esquerda e outra peça do MEIO AMARELA para frente (na 3ª CAMADA)
    3. Aplicar a fórmula ( F U R U’ R’ F’ ) sem se preocupar com o alinhamento das cores com os CENTROS até formar a cruz. Sempre respeitando a Regra_A;cubo1
  5. Alinhar a CRUZ da face AMARELA aos centros das CORES:
    1. Face AMARELA  para cima;
    2. Verificar na  CRUZ se existem peças com alinhamento CORRETO entre cores opostas;
    3. SIM:
      1. Escolher uma das cores opostas e alinhar ao seu CENTRO;
      2. Aplicar a fórmula ( R U R’ U R U2 R’ )  2 vezes;
    4. NÃO:
      1. Posicionar o cubo com as peças da CRUZ e MEIOS errados À ESQUERDA e para a FRENTE;
      2. Aplicar a fórmula ( R U R’ U R U2 R’ );
    5. Aplicar a fórmula ( U ) até que todas as peças da CRUZ estejam alinhadas com as cores do CENTRO correspondentes;
  6. Alinhar os cantos da face AMARELA (podendo ficar com o posicionamento das peças invertido):
    1. Face AMARELA para cima;
    2. Mantenha a CRUZ com as cores alinhadas aos seus CENTROS;
    3. Procurar uma peça  DO CANTO AMARELA na posição CORRETA que esteja com as cores invertidas;
    4. NENHUM CANTO CORRETO:
      1. Aplicar a fórmula ( U R U’ L’ U R’ U’ L ) para um canto ficar CORRETO;
    5. PELO MENOS UM CANTO CORRETO:( mesmo com as cores invertidas)
      1. Segurar o CUBO com a peça do canto alinhada à DIREITA do CUBO;
      2. Aplicar a formula ( U R U’ L’ U R’ U’ L )  até todas as peças dos CANTOS ficarem nas posições corretas (mesmo com as cores invertidas);
  7. Finalizar o CUBO ajustando o posicionamento das peças corretamente
    1. Escolher um canto correto na 3ª CAMADA;
    2. Posicionar o CUBO com o canto escolhido alinhado à DIREITA;
    3. Aplicar a fórmula ( R’ D’ R D ) (SEM MUDAR O POSICIONAMENTO DO CUBO);
    4. Quando a peça do canto à DIREITA estiver correta aplique a fórmula ( U);
    5. Repita os dois últimos passos até que todas as peças dos cantos estejam posicionadas corretamente;
    6. Quando todas as peças estiverem posicionadas corretamente aplique a fórmula ( U) para alinhar a 3ª CAMADA aos centros das cores.

cubo3Espero que ajude pelo menos como um início, depois existem vários outros algoritmos na WEB para conseguir montar mais rápido. Deixem um comentário  e dicas caso tenham.

Um grande abraço!

Sistemas Operacionais e Mercado de trabalho

O sistemas operacionais são utilizados por muitos de nós todos os dias, mas poucas pessoas sabem a importância do sistema operacional para atividades realizadas através do computador, tablet ou celular. Irei linkar uma apresentação que resume os fundamentos de sistemas operacionais e a sua influência no mercado de trabalho. Um grande abraço! //pt.slideshare.net/slideshow/embed_code/key/mPYh2sS5bSxyyU <div style=”margin-bottom:5px”> href=”//pt.slideshare.net/CCCarl/sistemas-operacionais-e-apresentacao-prof-carledwin” title=”Sistemas Operacionais e Mercado de Trabalho” target=”_blank”>Sistemas Operacionais e Mercado de Trabalho from Carl Edwin Antonio Nascimento “>//pt.slideshare.net/slideshow/embed_code/key/mPYh2sS5bSxyyU